LOGO-InfoTruck-PNG-SemFundo-3

Pedágio sem cancela passa por testes em SP

Tempo de Leitura: 2 minutos

Pedágio novo está localizado na via Ayrton Senna; cobrança será de acordo com a quilometragem percorrida

Os pedágios estão prestes a mudar. E quem passar pela rodovia Ayrton Senna, poderá sentir um pouco de como será essa mudança. A rodovia paulista passará pelos testes com os pedágios sem cancela, de cobrança automática. O novo sistema chamado de “Free Flow”, ou fluxo livre, realizará a cobrança de acordo com a distância percorrida.

Dessa forma, o projeto trata de cobrar uma tarifa com valores mais justos. Assim, o motorista pagaria um valor proporcional a quilometragem que ele percorreu. Além disso, o trânsito também deve apresentar melhora. O motorista não precisará mais parar enquanto efetua o pagamento. A promessa é que a novidade deixa as estradas pedagiadas mais seguras.

Leia também: Aumentam os roubos de carga em 2021

Pedágio: praças novas

As antigas praças de pedágio serão extintas. No lugar delas serão instalados “pórticos” com câmeras de última geração. Estas, farão a leitura da placa dos veículos. Sensores, antenas e scanners também estarão presente nos pórticos. Desse modo, coletarão todos os dados dos veículos. Velocidade e placa, bem como a altura, largura, comprimento e trajeto farão parte da base de dados.

Após a coleta de dados, eles serão enviados a uma central, que calculará a tarifa de acordo com a distância percorrida. Assim, cobra-se um valor mais justo.

Segundo a ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e Ecopistas, a cobrança ainda não está ativa. O projeto está sendo desenvolvido e, só após o projeto-piloto estar pronto, darão seguimento as novas etapas.

A princípio, as cobranças na rodovia Ayrton Senna continuam nas praças físicas de pedágio. Os testes estão sendo realizados na altura do quilômetro 32.

Free Flow em outros países

Mais de 20 países já utilizam o pedágio sem cancela. Austrália, Portugal, Canadá estão entre os que já aderiram ao projeto. O Chile, pioneiro na América do Sul, utiliza o sistema desde 2004.

Fonte: Redação, Estradão, 25 de abril de 2022

InfoTruck

InfoTruck

Somos um veículo de informação do segmento de Transporte e Logística .

InfoTruck, sua rota da informação!