LOGO-InfoTruck-PNG-SemFundo-3

Financiamento de veículos pesados cai 12,6% no semestre

Tempo de Leitura: < 1 minuto

Financiamento de caminhões, em falta no mercado, puxaram a queda; por outro lado, ônibus novos registram alta

O financiamento de ônibus e caminhões caiu 12,6% nos primeiros seis meses deste ano. Foram 129.600 vendas para pagamentos a longo prazo. Da mesma forma, em 2021, foram 148.329 negócios neste modelo. Os dados são da B3.

Os caminhões novos foram os principais responsáveis pela queda. De janeiro a junho de 2022, foram 57.994 financiamentos registrados. Já em 2021, 73.608 foram vendidos na modalidade. Isto é, uma queda de 21,3% no comparativo entre os anos.

Leia também: Congresso confirma piso para reajuste do frete em 5% por mais 60 dias

Os caminhões usados também apresentaram queda, porém, menor do que os 0km. Em 2021, negociou-se 59.706 veículos por meio de financiamento. Porém, em 2022, foram 54.512, ou seja, uma queda de 7,4%.

Pelo contrário, os ônibus novos registraram alta nos financiamentos. Foram 2.352 nos primeiros seis meses de 2022, contra apenas 2.143 no mesmo período de 2021. Isto é, um aumento de 9,8%.

Os usados, por sua vez, registraram aumento de 19% nas vendas com pagamento a longo prazo. Foram 9.508 unidades negociadas por financiamento de janeiro a junho de 2022, contra 8.066 no período em 2021.

Ainda de acordo com a B3, a modalidade CDC (Crédito Direto ao Consumidor) tem sido a mais utilizada pelos compradores. Mesmo assim, também registrou queda. Foram 109.713 unidades em 2022, contra 126.763 em 2021. Isto é, queda de 13,5%.

Fonte: Andrea Ramos, Redação Estradão, 15 de julho de 2022

InfoTruck

InfoTruck

Somos um veículo de informação do segmento de Transporte e Logística .

InfoTruck, sua rota da informação!