LOGO-InfoTruck-PNG-SemFundo-3

ANTT promove reajuste de valores para frete rodoviário

Tempo de Leitura: 2 minutos

A ANTT atualizou os valores da tabela do frete e divulgou reajuste após o aumento do diesel ser superior a 5%

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou na última sexta-feira, 24, uma nova tabela dos preços mínimos de frete rodoviário. Com a atualização, o reajuste médio ficou entre 7,06% e 8,99%. Tal reajuste se aplicará de acordo com alguns fatores. Por exemplo, o tipo de carga, quantidade de eixos, tipo de operação e a distância do trajeto. A publicação no Diário Oficial da União aconteceu no final da última semana.

Leia também: Petrobras reajusta preços da gasolina e do diesel

De acordo com a agência, o reajuste ocorreu após o anúncio do aumento do diesel. A variação acima dos 5% nas bombas em relação a tabela anterior.

A atualização foi divulgada pela ANTT após divulgação do novo preço do diesel S-10. Na última semana, a ANP (Agência Nacional do Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis) informou o preço médio do combustível a R$ 7,678. Assim, representando um aumento de 13,73% em relação ao preço praticado anteriormente. Isto é, até então o valor presente na tabela era de R$ 6,751.

Segundo a Lei, a ANTT pode executar o reajuste na tabela do frete a cada seis meses. Porém, também é permitido quando o a variação do preço do diesel ultrapassar os 5%. A última vez que o valor sofreu reajuste foi no dia 19 de março. Conhecida como Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas, a medida foi instituída em 2018, após a greve dos caminhoneiros.

Reajuste atende caminhoneiros

Esse reajuste atende uma exigência dos caminhoneiros. Segundo líderes da categoria, os valores da tabela estavam defasados. Principalmente após os aumentos divulgados recentemente pela Petrobras. Contudo, a atualização na tabela não ocorre de forma imediata. Isso porque o reajuste da Petrobras se refere ao preço do combustível nas refinarias. Por outro lado, o reajuste na tabela do frete é relativo ao preço médio nas bombas para o consumidor. Este levantamento é semanal e realizado pela ANP.

Fonte: Isadora Duarte, Economia Estadão, 29 de junho de 2022

InfoTruck

InfoTruck

Somos um veículo de informação do segmento de Transporte e Logística .

InfoTruck, sua rota da informação!